CRIMES PERSISTENTES: ESGOTOS CLANDESTINOS SÃO IDENTIFICADOS EM IMÓVEIS DE FLORIANÓPOLIS

Com ligações clandestinas de esgoto diretamente à rede pluvial, caracterizando crime ambiental, imóveis localizado no distrito de Ribeirão da Ilha, foram autuados pela operação Blitz Sanear da prefeitura de Florianópolis e da Casan. Foram analisadas quatro residências, todas denunciadas por irregularidades como descarte na rede pluvial e escoamento de esgoto em terreno privado.

A primeira denúncia feita por um morador informou que vizinhos de três residências diferentes, todas localizadas na servidão Dolores Cordeiro Heidenreich, fizeram ligações de tubulação irregulares das máquinas de lavar roupa à rede pluvial. As famílias aproveitaram o serviço de obras de infraestrutura na via pública para montar a ligação clandestina entre o próprio esgoto e a rede. A Vigilância Sanitária encaminhou o problema à empreiteira responsável pelo serviço na servidão para realizar o lacre das tubulações.

Já na servidão Alfredo Estevão da Costa, um denunciante alertou sobre o vazamento dos efluentes da fossa de uma das casas vizinhas para os terrenos e calçadas do entorno. A residência de onde vazava o líquido estava desabitada no momento da abordagem e não pode ser analisada. A denúncia foi encaminhada à Vigilância Sanitária e, se comprovada a irregularidade pelo órgão, o proprietário do imóvel será autuado.

Na rodovia Baldicero Filomeno, um extravasamento de efluentes domésticos a céu aberto foi identificado pelos profissionais, também em via pública. Em seguida, foi realizado o teste do corante em um dos imóveis da rua para comprovar a origem do vazamento. O exame feito no banheiro, cozinha e área de serviço identificou mais um descarte de esgoto na rede pluvial, havendo aplicação de auto de intimação pela Vigilância Sanitária aos proprietários da habitação. O caso será encaminhado para a intendência do bairro, que deve sugar e lacrar a estrutura irregular.

A Blitz Sanear é mais um serviço realizado por meio de parceria entre a Prefeitura de Florianópolis e a Casan.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome