#BORAVOTAR#:TRE DE SC AVANÇA COM PARCEIRAS PARA FORTALECER A ADESÃO DE JOVENS ELEITORES

Com a finalidade de estabelecer  cooperação técnica para a difusão da campanha “Meu primeiro título – #boravotar”, como forma de engajar a participação de jovens de 16 e 17 anos nas Eleições 2022, promovendo a cidadania e garantindo legitimidade ao processo eleitoral, o  presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina, desembargador Fernando Carioni, a presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Santa Catarina, Cláudia Prudêncio, e o diretor da Escola Judiciária Eleitoral (EJESC), juiz Marcelo Pons Meirelles, assinaram na tarde de hoje, o termo de colaboração.

“Eu acredito que este é um trabalho que vai dignificar Santa Catarina uma vez mais. Para mim, como ex-presidente da OAB/SC, é com grande orgulho que assino o termo de compromisso da Justiça Eleitoral com esta instituição”, afirmou o desembargador Fernando Carioni.

Algumas ações já estão programadas, como a integração das áreas de comunicação social para o compartilhamento de estratégias e conteúdos para impulsionar a divulgação da campanha, e ainda ações a serem desenvolvidas nas sedes das Subseções da Seccional da OAB/SC ou nos escritórios compartilhados da Caixa de Assistência dos Advogados de Santa Catarina – CAASC, para fomentar o cadastramento eleitoral dos jovens catarinenses.

Cláudia Prudêncio, presidente da OAB/SC, fez um agradecimento especial ao diretor da Escola Judicial Eleitoral de Santa Catarina – EJESC, juiz Marcelo Pons Meirelles. “Agradeço ao Marcelo, querido colega, que nos trouxe essa campanha. A OAB não cuida somente do advogado catarinense, é uma obrigação fazermos um trabalho para a sociedade, para o cidadão. Me apaixonei pelo projeto e, por isso, a OAB deixa suas portas abertas para a campanha, que eu tenho certeza que será um marco na nossa gestão”, disse.

OUTROS PERCEIROS

Na próxima quarta-feira,  às 14h, na sala de Sessões do Tribunal, acontece a segunda ação de cidadania da campanha Meu primeiro Título #BoraVotar, resultante da parceria entre o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SC), a Delegacia da Alfândega da Receita Federal de Florianópolis e a Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC).

Mais 50 aparelhos smartphones, cedidos pela Delegacia da Alfândega da Receita Federal de Florianópolis, serão destinados a jovens que têm o alistamento e o voto facultativos e que, mesmo assim, fizeram o título eleitoral.

Todo o material de divulgação da campanha Meu primeiro título #BoraVotar, bem como a lista dos primeiros contemplados com os smartphones, está na página da campanha na internet.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome