PLANEJAMENTO: SERVIDORES DE PALHOÇA CONHECEM AS REGRAS TÉCNICAS DA NOVA LEI DE LICITAÇÕES

Tendo como foco os servidores municipais de Palhoça, para  criar um ambiente de troca de experiências e práticas profissionais relacionadas à gestão de projetos no setor público, a diretora de Projetos, Concessões e Parcerias Público-Privadas, Aline Bittencourt Medeiros, representou o município na 3ª edição do evento online GOV-CoP – Comunidade de Prática de Gestão de Projetos do setor público de Santa Catarina.  Aline apresentou o tema: “Acelerando a aplicação da Nova Lei de Licitações com metodologias ágeis no setor público”.

“Apresentei como o município está se preparando para atender à Nova Lei de Licitações e Contratos. Todas as esferas de governo devem migrar para a nova lei até 2023. Para atender à nova legislação, o município desenhou um projeto, definindo um escopo de trabalho. Durante o evento, apresentei como estamos implementando o projeto”.

Aline explica que o objetivo da Prefeitura é, dentro de 10 meses, fazer as adequações à nova lei, com foco na otimização dos processos. “Estamos elaborando regulamentações que apoiem e agilizem o processo de compras, de forma que a administração municipal compre melhor, gerando economia para os cofres públicos”, detalha.

EXECUTORES DA MISSÃO

Um grupo de trabalho, formado por servidores da Diretoria de Projetos, da Comissão de Licitação e do Setor de Contratos, foi formado para executar a missão. “A Secretaria de Administração vem trabalhando para se atualizar constantemente, modernizando seus processos e ampliando a eficiência de suas compras. Palhoça será um dos primeiros municípios de Santa Catarina a aplicar a Nova Lei de Licitações e conta com uma equipe altamente qualificada nesta missão”, destaca a secretária de Administração de Palhoça, Cristina Schwinden.

O GOV-CoP foi promovido pelo capítulo catarinense do Project Management Institute (PMI). Principal associação mundial sem fins lucrativos em gerenciamento de projetos, o PMI foi fundado por cinco voluntários, em 1969, nos Estados Unidos.

Atualmente, conta com mais de 700 mil associados em 185 países, que praticam e estudam gerenciamento de projeto nas mais diversas áreas, como: aeroespacial, automobilística, administração, construção, engenharia, serviços financeiros, tecnologia da informação, farmacêutica e telecomunicações.

O PMI tem capítulos em todos os estados do Brasil. Atualmente, o capítulo de Santa Catarina do PMI, responsável pela divulgação e trabalhos relacionados ao instituto no estado, possui 172 membros ativos. Dentro do PMI/SC, existe a Diretoria de Governo, que organizou o evento do dia 15 de fevereiro. O objetivo é o de promover a gestão de projetos no setor público catarinense por meio do engajamento e desenvolvimento de instituições e gestores públicos, estimulando o desenvolvimento profissional e o compartilhamento de boas práticas.

Além da diretora de Projetos, Concessões e Parcerias Público-Privadas da Prefeitura de Palhoça, também realizou uma apresentação no evento a especialista em Transformação Digital e Agile Annelise Gripp, que falou sobre o tema: “Como a metodologia ágil pode te ajudar a desenvolver projetos e entregar valor?”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parceiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome