GOVERNO DO ESTADO E PREFEITURA ASSINAM CONVÊNIO PARA OBRAS DE REURBANIZAÇÃO DA PRAÇA TANCREDO NEVES EM FLORIANÓPOLIS

Cumprindo o primeiro ato oficial  como chefe do Poder Executivo Estadual, o governador, em exercício, João Henrique Blasi  assinou hoje convênio com a prefeitura de Florianópolis para a reurbanização da praça Tancredo Neves, conhecida como Praça dos Três Poderes, localizada no centro urbano da Capital.

Serão repassados pelo governo ao município R$ 3,3 milhões para contratação do projeto de revitalização que vai contemplar área de lazer arborizada iluminada e com estrutura para espetáculos ao ar livre, lanchonete, cafeteria e estacionamento subterrâneo. Além do investimento do estado para o projeto, a obra vai receber recursos do judiciário catarinense, do Tribunal de Contas do Estado e da Assembleia Legislativa de Santa Catarina. Cada um se comprometeu a desembolsar R$15 milhões, totalizando R$ 45 milhões para a melhoria do local. O presidente em exercício da Alesc, deputado Mauricio Eskudlark destacou a relevância do empreendimento: “vai ser tão importante ou mais do que o Mercado Público, como ponto de encontro de pessoas, de oportunidades, de grupos artísticos se apresentarem, terem vida”.

Ao firmar o acordo com a prefeitura, o governador interino João Henrique Blasi destacou a parceria entre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, que se uniram para fazer a obra acontecer. “Um único motivo nos traz aqui: a construção de esforços para dotar a nossa querida capital de um instrumento urbanístico importante, num local diariamente demandado por milhares de pessoas. E é nossa obrigação, pelo fato da cidade nos hospedar, os poderes do estado e os órgãos autônomos, darmos uma retribuição, uma contribuição ao município de Florianópolis”, disse.

O prefeito de Florianópolis, Topázio Neto, disse que a responsabilidade agora está com o município, que deve cuidar dos trâmites burocráticos. O prazo para elaboração do projeto é de 12 meses e a obra deve começar ainda em 2024. “Nós vamos fazer um projeto onde a sociedade participe da vida daquela praça. É uma praça cultural, que vai dotar aquela área também de estacionamento, que é um problema de todo mundo que vem do estado e que precisa ir ao Tribunal de Contas, ao Tribunal de Justiça muitas vezes não tem onde estacionar. Vão poder estacionar ali, vão poder se alimentar, porque nós vamos fazer uma praça onde as pessoas possam usar a praça na sua totalidade. Com isso a gente gera vida, gera movimento e harmoniza toda aquela região da cidade”, explicou o prefeito.

O presidente em exercício do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, desembargador Altamiro de Oliveira, disse que é o momento adequado de valorizar o espaço. “Vimos com o passar do tempo como a praça ficou subaproveitada, como o espaço ficou mal aproveitado e como essa parceria entre o poder judiciário, entre o Assembleia Legislativa e o Tribunal de Contas junto com o Governo do Estado resultou nesse projeto maravilhoso encapando agora pelo município e que com certeza fará agora um enorme empreendimento não só para Florianópolis, mas para toda Santa Catarina”, explicou.

O presidente em exercício do Tribunal de Contas de Santa Catarina, José Nei Ascari, também enalteceu a parceria entre os órgãos em benefício da cidade. “Nosso desejo é que esse ambiente, esse clima de interação continue porque isso traz resultados pra Santa Catarina como o que nós estamos nesse momento testemunhando. Nosso desejo é de que os procedimentos burocráticos tramitem com agilidade e tenhamos a conclusão o mais rapidamente possível”.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome