OLIMPÍADA NACIONAL DE MATEMÁTICA: ALUNOS E PROFESSORES DE FLORIANÓPOLIS SÃO MEDALHISTAS

Com premiação de medalhas, professores e alunos da Rede Municipal de Ensino de Florianópolis encerraram a participação na Olimpíada Brasileira de Matemática sob a coordenação do Instituto de Matemática Pura e Aplicada e apoiada pelos ministérios da Educação e de Ciência, Tecnologia e Inovação. Hoje, os agraciados, 15 estudantes  e quatro professores receberam medalhas de prata e bronze, durante solenidade no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina. Em maio, cinco estudantes da Rede Municipal  já haviam recebido medalha de ouro em outro evento da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas.

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas, OBMEP, é um projeto nacional dirigido às escolas públicas e privadas brasileiras, realizado pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada – IMPA, com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática – SBM, e promovida com recursos do Ministério da Educação – MEC- e do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação – MCTI.

Conforme lembra a secretária de Educação de Florianópolis, Fabricia Luiz Souza, a olimpíada tem como alguns dos seus objetivos estimular e promover o estudo da Matemática, possibilitar que um maior número de alunos brasileiros possam ter acesso a material didático de qualidade, Identificar jovens talentos e incentivar o aperfeiçoamento dos professores das escolas públicas, contribuindo para a sua valorização profissional, bem como promover a inclusão social por meio da difusão do conhecimento. O público do certame é composto por estudantes a partir do sexto ano do ensino fundamental até o último ano do ensino médio.

OS MEDALHISTAS

Três representantes da rede municipal ganharam medalha de prata: Isaac Oliveira, da Escola do Futuro Osvaldo Machado; Vicente Garcia de Castro, da Escola Básica Municipal João Alfredo Rohr; e Emanuella Chagas de Oliveira, da Escola Básica Municipal Brigadeiro Eduardo Gomes.

A Escola do Futuro Osvaldo Machado teve também três medalhas de bronze com Gabriela de Barros Volz, Matheus Francisco dos Santos e Ian Sobottka . A EBM Beatriz de Souza Brito contou com duas por intermédio de Lucas da Silva Schneider e Henri Ferreira Castro. O mesmo feito obteve a Escola do Futuro Mâncio Costa com Gael Moraes de Sousa le Arthur Macedo Lopes.

Igualmente foram bronze os estudantes lAntonio Ressette Benitez ( EBM João Gonçalves Pinheiro), Jhenifer Kamilli Ludwig Becker (EBM Osmar Cunha), Pietra Ludwig Russo (EBM Dilma Lúcia Dos Santos), Gustavo Mucccelin Fernandes (EBM Professora Herondina Medeiros Zeferino) e Raul Tiago Medeiros (EBM Brigadeiro Eduardo Gomes).

Os professores premiados foram Antonio Cicero Ribeiro de Souza (Escola do Futuro Osvaldo Machado), Fernanda Echer (EBM Brigadeiro Eduardo Gomes), Guilherme Wagner (EBM Virgílio dos Reis Várzea) e Rosangela Silveira (EBM Beatriz de Souza Brito). Todos ganharam diploma e livro de apoio à formação de matemática. A unidade educativa premiada foi a Escola do Futuro Osvaldo Machado , que recebeu um kit com material didático.

 

 

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome