SC: DEPUTADOS APROVAM NOVOS SALÁRIOS DO GOVERNADOR, VICE E SECRETÁRIOS ESTADUAIS

Plenário da Assembleia Legislativa, durante a tarde desta terça-feira (20)

A partir de janeiro, com a posse do novo governo em Santa Catarina, os salários dos mandatários serão de R$ 25.322,25 para governador, vice e secretários estaduais. A decisão, através de projeto de lei, foi aprovada hoje  por 28 a 7 votos pelos deputados no plenário da Assembleia legislativa.

O presidente da Alesc, deputado Moacir Sopelsa (MDB), afirmou que a elaboração do projeto foi feita em consonância com a comissão de transição do governo que assume o poder em 1º de janeiro.

O deputado Ivan Naatz (PL) disse que o reajuste foi discutido de forma transparente, nos últimos 60 dias, entre a comissão de transição do novo governo e a Alesc. Ele lembrou que o valor não sofre a reposição da inflação deste de 2010, e citou a dificuldade em chamar pessoal da iniciativa privada para trabalhar no poder público, em virtude dos vencimentos com valores abaixo do mercado. “Secretários municipais de Florianópolis, Blumenau, têm salários quase o dobro em relação ao Estado”, completou.

Kennedy Nunes (PTB) também comentou que os subsídios pagos atualmente estão abaixo do valor de mercado, o que leva o Executivo a nomear secretários para cargos nos conselhos das empresas públicas. “Que com esse reajuste, possamos acabar com os jetons”, disse. “A Assembleia já acabou com a pensão dos ex-governadores”, lembrou.

Voto contrário ao projeto, o deputado Jessé Lopes afirmou que o governador, por ter praticamente todas as suas despesas pagas pelo Estado, como moradia e alimentação, não precisa de reajuste salarial. Por maioria de votos, os deputados rejeitaram os pareceres contrários a três projetos de lei  de autoria parlamentar:

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome