SEGURO DESEMPREGO: EM PALHOÇA AS SOLICITAÇÕES PODEM SER FEITAS PELA INTERNET

O encaminhamento do seguro-desemprego é uma das principais solicitações registradas pelo posto do Sistema Nacional de Empregos (Sine), mantido em parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado, dentro do Mercado Público Municipal. Desde novembro, a solicitação também pode ser feita diretamente pela internet, pelo site empregabrasil.mte.gov.br. Ou seja, não há mais a necessidade do cidadão buscar um posto do Sine para encaminhar o seguro-desemprego.

Antes da oferta do serviço online, para encaminhar o seguro-desemprego, o trabalhador precisava agendar o comparecimento a um posto de atendimento do Sine, preencher um formulário e entregar a documentação. O atendimento levava aproximadamente 15 minutos. Apenas depois de comparecer ao Sine começaria a contar o prazo de 30 dias para recebimento do benefício.

Agora, desde 21 de novembro, o trabalhador já pode fazer o pedido imediatamente pela internet, assim que receber a documentação para encaminhar o seguro-desemprego. No ambiente virtual, o trabalhador irá preencher o formulário que hoje é respondido no Sine, antecipando o processo. O prazo de 30 dias para receber o benefício começará a contar a partir do momento do envio do formulário.

O trabalhador ainda precisará comparecer a uma agência do Sine pessoalmente (procedimento necessário para evitar fraudes). Mas o atendimento deve ser mais rápido já que a parte mais demorada dos atendimentos presenciais é o preenchimento cadastral, que já terá sido feito antecipadamente pelo computador.

O posto do Sine em Palhoça foi reaberto em maio, quando a Prefeitura, por meio de ações das secretarias de Desenvolvimento Econômico e Assistência Social, conseguiu articular a assinatura de um novo termo de cooperação técnica com o Governo do Estado. A sala estava funcionando dentro da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e foi transferida para o Mercado Público Municipal.

Portanto, se você precisa encaminhar o seguro-desemprego, acesse, primeiro, o site Emprega Brasil, no endereço empregabrasil.mte.gov.br, e preencha o formulário. “Isso vai agilizar o processo e o trabalhador vai otimizar seu tempo”, comenta a secretária de Desenvolvimento Econômico, Anna Paula Heiderscheidt.

COMO PEDIR ONLINE

Acesse o site empregabrasil.mte.gov.br

Clique em “Cadastrar” e informe seus dados pessoais (CPF, nome, data de nascimento, nome da mãe, estado de nascimento, etc.)

As informações serão validadas no Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis)

Caso estejam corretas, o trabalhador será direcionado a responder um questionário com cinco perguntas sobre seu histórico laboral. Por isso, é importante ter em mãos a carteira de trabalho. É preciso acertar pelo menos quatro das cinco perguntas.

Em seguida, o trabalhador receberá uma senha provisória que deverá ser trocada no primeiro acesso.

Caso o usuário não consiga acertar as respostas, terá de aguardar 24 horas para uma nova tentativa ou entrar em contato com a central 135 do INSS para auxílio.

Ao finalizar o cadastro, o trabalhador terá acesso aos serviços do Emprega Brasil. Uma das opções será “Solicitar Seguro-Desemprego”.

Será necessário preencher um cadastro com informações pessoais e profissionais, o mesmo que era preenchido anteriormente nos postos do Sine.

O cadastro está dividido em oito páginas com informações pessoais, profissionais, acadêmicas, vagas de emprego e cursos de qualificação disponíveis.

Ao finalizar o preenchimento de cada página, o próprio programa direciona o trabalhador automaticamente para a página seguinte.

Uma das páginas permite ao trabalhador colocar informações sobre sua qualificação acadêmica e profissional, dados importantes para que o programa busque vagas de emprego disponíveis na área do trabalhador:

As vagas de emprego são relacionadas automaticamente pelo programa e o trabalhador pode realizar agendamento para vagas de emprego e se inscrever em cursos de qualificação.

Após solicitar o benefício do seguro-desemprego, é só agendar o atendimento presencial para confirmar o cadastro e aguardar a liberação das parcelas, o que deve ocorrer 30 dias após o preenchimento do documento pela internet

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome